[TRADUÇÃO] Cavaleiro de Dragão

Este artigo é uma tradução do original em inglês disponível em

https://tvtropes.org/pmwiki/pmwiki.php/Main/DragonRider

Nota: Acho estranho usar a palavra cavaleiro para designar alguém que monta algo que não seja um cavalo, porém nunca vi uma tradução melhor para o termo. Rider se traduziria bem como montador (alguém que faz uso de uma montaria para se locomover), porém montador de dragões teria uma conotação ambígua e, portanto, opto por manter o comumente utilizado cavaleiro.


Os sagrados cavaleiros de dragão, pioneiros de uma nova era
Cavalgando o universo para forçar o mal à sua cela
— Running Wild, “Dragonmen”

 

Vamos encarar: você não conhece nada mais fodão que um Dragão. Eles são enormes. Voam. Sopram fogo. Eles têm armas despontando de praticamente qualquer parte de seus corpos. Eles são muito, muito inteligentes. Eles são brutais e impiedosos em batalha. Eles vivem eternamente, ou pelo menos alguns milhares de anos, durante os quais eles ficam mais e mais fortes. Eles manipulam magia. Suas escamas rígidas os deixam bonitos e à prova de balas. (Bem, isso depende.)


Sendo a besta mitológica mais conhecida, dragões sempre foram tratados como bombas nucleares em tempos de espadas e escudos de madeira — uma incarnação de prestígio, assim como de terror, por excelência.


Em algum ponto (1967, para ser exato), alguém teve a ideia de que essas feras cruéis e sanguinolentas não tinham que ser malignas. Talvez, sob aquelas presas e garras, eles fossem apenas criaturas gentis e incompreendidas dispostas a lutar do lado dos mocinhos. Ou ainda, talvez estivessem apenas procurando por um amigo.


Mais tarde apareceu a ideia do Cavaleiro de Dragão, um humano (ou humanóide) que é tão foderosamente fodão que é capaz de montar uma dessas feras, geralmente como um corcel rumo à batalha. O conceito explodiu e ganhou popularidade entre escritores de fantasia, e agora pode ser visto em toda parte na literatura e jogos modernos.


Cavaleiros de dragão são normalmente caracterizados pelo elo com a fera que montam, o que resulta em um relacionamento síncrono entre eles, uma ligação telepática, e zero chances de que possam ser separados sem consequências drásticas. É melhor que se acostumem com a companhia, pois estão presos um ao outro para sempre!


A plausabilidade dessa metáfora depende de quão inteligentes os dragões são em determinado cenário, assim como o que o cavaleiro traz para o relacionamento. Em alguns casos, o humano pode preencher alguma lacuna nas habilidades do dragão — um antiquado dragão sem inteligência pode precisar de um cavaleiro para direcioná-lo, e um que não sopre fogo pode se beneficiar ao ter um mago em suas costas — mas a maioria dos dragões são tão fantásticos em todos os aspectos que um humano é apenas redundante. Aquela sua espada mágica lendária não vai ajudar muito também, a não ser que ela seja tão grande que o próprio dragão possa usá-la. Se o dragão é apenas um animal sensacional, mas sem inteligência, então o relacionamento é mais comparável ao com um cavalo. No caso de um dragão com inteligência, ele pode deixar o humano montá-lo não tanto porque precisa de ajuda em combate, mas por pura amizade.


Para o desgosto dos fãs das lendas dos dragões antiquados, mesmo a mais inteligente fera é geralmente subserviente ao seu cavaleiro (ou pelo menos parece ser ou é tratado como se fosse). Por exemplo, no filme do livro do Ciclo da Herança (Inheritance Cycle), quando um dragão morre, seu cavaleiro continua sua vida, mas se o cavaleiro morre, o dragão também tem o mesmo destino.


Essa metáfora continua reaparecendo porque dragões são legais e um dragão que você pode montar é mais legal ainda.


Às vezes podem ser chamados wyverns, uma criatura mítica diferente, mas com características semelhantes aos dragões.


Compare Cavaleiro de Dragão, Voador Gigante, Fera da Batalha e Cavalo de Cor Diferente. Contraste com Dragão de Ombro, um dragão que monta você! Não confundir com o nome anterior da versão tripulada da cápsula SpaceX Dragon (agora chamada Dragon V2) ou com Romance Interespécies.



A seção de exemplos do artigo original será traduzida nos próximos posts. Não perca!

5 comentários sobre “[TRADUÇÃO] Cavaleiro de Dragão

Deixe uma resposta para blogdodavipaiva Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.