Impostor

Você Sofre de Síndrome do Impostor?

Você já foi elogiado por algum trabalho bem feito mas, ao invés de se sentir orgulhoso, sentiu vergonha? Sentiu que seu trabalho não era bom o suficiente e que estava enganando as pessoas? Calma. Esse é apenas um dos sintomas e, mesmo que você tenha a síndrome, não é o fim do mundo.

Pesquisas indicam que a síndrome afeta, na maior parte, mulheres bem sucedidas. Entretanto, homens também podem ser acometidos.

Quem realmente sofre dela tem um medo constante de ser “desmascarado” (apesar de não estar tentando enganar ninguém). Qualquer elogio aumenta esse temor. Na cabeça da pessoa, o sucesso foi fruto de sorte ou de ter feito alguém acreditar que tem habilidades que, na verdade, não domina.

Outro traço da síndrome é não reconhecer o valor dos sucessos. Esse aí eu tenho e muito. Meu irmão adorava me importunar por eu não comemorar minhas notas. Ele vivia me imitando, dizendo com a voz mais triste do mundo:

Mãe, tirei um 100…

E ele estava certo. Só queria que eu percebesse que aquilo era fruto do meu esforço e que eu devia me orgulhar e, não, ficar com vergonha e me esconder. Isso não quer dizer, claro, que você deva sair esfregando suas vitórias na cara de todo mundo. Saiba comemorar mas continue respeitando as outras pessoas. Ficar se gabando de tudo que faz vai lhe tornar um chato de galochas (e como eu conheci gente assim…)

Infelizmente, o mundo deixa de ter acesso às ideias e obras das pessoas que não acreditam em si mesmas. Elas devem ter muito a compartilhar mas não creem na qualidade do próprio trabalho.

Se você acha que tem a síndrome, uma boa atitude para começar a parar de sofrer é manter um registro das suas vitórias. Caso esteja recebendo muitos elogios por algo, é muito provável que tenha feito um bom trabalho, correto? Além disso, não se compare a pessoas que você julga serem melhores. Cada um é diferente, tem pontos fortes e fracos. Se quiser ficar bom em algo, estude, pratique e acredite em si mesmo. Não se considere nem mais, nem menos que ninguém. Todos têm direito de se expressar.

Agora, se você gosta de escrever mas morre de vergonha de se expor, eu tenho um desafio pra você: escolha um dos links das Quartas-Feiras Criativas, a seguir, e participe agora mesmo! Não tenha medo de não fazer um bom trabalho. Você não vai ser julgado. O mundo anseia pelas suas palavras. Por favor, pare de escondê-las!

https://lucaspalhao.wordpress.com/2015/08/26/projeto-quarta-feira-criativa/

https://lucaspalhao.wordpress.com/2015/09/02/quarta-feira-criativa-020915/

https://lucaspalhao.wordpress.com/2015/09/16/quarta-feira-criativa-160915/

https://lucaspalhao.wordpress.com/2015/09/23/quarta-feira-criativa-220915/

https://lucaspalhao.wordpress.com/2015/09/30/quarta-feira-criativa-300915/

https://lucaspalhao.wordpress.com/2015/10/07/quarta-feira-criativa-061015/

Anúncios

21 comentários sobre “Você Sofre de Síndrome do Impostor?

  1. Lucas eu não me sinto confortável com elogios, mas isso começou de uns tempos pra cá. As vzs acabo nem agradecendo as pessoas pq realmente me sinto envergonhada. Ótimo post! Adoro oq tu escreve rsrsrs

    Curtido por 2 pessoas

  2. As vezes tbm sinto assim, como se meus trabalhos fossem uma droga. Bem, sei que tenho muito a aprender no que eu faço. Estou recém no inicio. As vezes peço pouco por achar que meus trabalhos são uma droga, e fico intimidada com algumas situações.
    Realmente belo post

    Curtido por 2 pessoas

    1. Que bom que gostou!

      Mas não desista.
      Estamos aqui para dar suporte uns aos outros.
      Por mais que tenha o que aprender, continue mostrando o que você faz.
      Os elogios virão para comprovar a qualidade do seu trabalho.

      Abraço!

      Curtido por 1 pessoa

  3. Não acho que eu sofra disso, acho que tô numa média aceitável de reconhecer as coisas nas quais sou boa. Agora sobre escrever, eu realmente não sou de expor isso kk
    Gosto muito dos seus posts, da forma que você coloca assuntos diferentes e os faz serem fáceis e bons de entender.
    ;*

    Curtido por 1 pessoa

  4. Eu li…oh Deus! Sou uma impostora! Achei que só eu e minha irmã sentíamos isso. É horrível! Sempre a sensação de ser desmascarada a qualquer momento. Mesmo sabendo que não ha motivos para pânico…ele está lá.Cheguei a deixar que outros levassem os créditos por algo que eu fiz. Mas agora luto contra isso ferozmente, mais uma das minhas mudanças.:D

    Curtido por 1 pessoa

      1. É muito interessante vc tocar nesse assunto, porque o WLD já havia comentado, em texto lá no RL (não sei se já republicado aqui no WP) sobre o seguinte paradoxo: a existência de textos meia-boca com vários acessos e comentários, em contrapartida a textos caprichados que ninguém lê. Isso eu percebia lá no RL, aqui nem tanto.
        Em resumo: meu caro Lucas, excelente o seu artigo! (E espero que vc não se envergonhe com este elogio…)
        😀

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s