Como melhorar seu foco e sua disciplina – Adendo

É difícil esgotar esse assunto e, como continuei pensando e conversando sobre ele, percebi mais algumas coisas.

Eu preciso de um ambiente favorável. Quando eu preciso me concentrar, seja para ler, escrever, pensar, calcular, ou para qualquer outra coisa que exija minha concentração, preciso de um lugar tranquilo ou me isolar do ambiente através de música. O lugar tranquilo geralmente funciona melhor para mim, mas nem sempre é possível encontrar um. E, quando preciso da música, às vezes é melhor ouvir algo bem calmo quando estou agitado, ou algo bem agitado quando estou calmo demais ou com sono. Outro fator determinante para um ambiente favorável é o seu acesso a distrações. Hoje, temos o Facebook, Whatsapp, emails, Skype e outros mensageiros instantâneos, YouTube, telefonemas e informação à disposição na Internet, para citar apenas algumas. Além disso, somos empurrados para esses “lugares seguros” pelo estresse e grande quantidade de tarefas que temos. Pode ser muito difícil, mas precisamos nos afastar disso tudo em alguns momentos. Nenhuma dessas ferramentas é ruim per se, mas a forma como as usamos pode transformá-las em algo nocivo. Como dizem James Roper e Chandler Bolt em seu livro The Productive Person, “Distrações que lhe impedem de ser produtivo no trabalho estão em toda parte. Elas sugam seu tempo como vampiros e vêm em todas as formas e tamanhos.” Quando sei que minha concentração não está boa, tenho que tomar algumas atitudes um pouco mais drásticas, como estudar onde trabalho, para evitar que, em casa, as tentações me vençam.

Além disso, passamos por fases na vida em que nossa disciplina pode estar mais fraca. Podemos até passar por períodos onde não temos sequer um resquício. Nesses casos, devemos recomeçar pelo mais fácil. Se o compromisso de estudar uma hora por dia não está dando certo, experimente acordar mais cedo e fazer uma caminhada. Ou, quem sabe, tente comer duas frutas por dia. Ou, ainda, faça cinco minutos de um curso de línguas online todos os dias. O meu argumento aqui é que, mesmo que você não consiga se disciplinar imediatamente naquilo que você mais precisa, atingir a disciplina em algum outro ponto não tão difícil pode ter um impacto positivo. Como disse o escritor Jeff Goins neste post em seu blog, em determinado momento de sua vida, não conseguia construir seu hábito de escrever. Era mais fácil correr cinco milhas que escrever todos os dias. Entretanto, quando chegava de sua corrida matinal, era mais fácil sentar e colocar as palavras no papel. Como ele, experimente desenvolver sua disciplina em uma área mais fácil antes de partir para seu objetivo.

Espero gerar mais argumentação saudável sobre o assunto para poder compartilhar novas conclusões. Se for possível, deixe um comentário no fim da página contando qual sua tática para driblar um período de disciplina em baixa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s